“Tô querendo te beijar de novo, o teu beijo me enlouqueceu” provavelmente você já ouviu essa música no bar, nas rádios ou até mesmo é fã do autor da música… Agora, o que você talvez não saiba é que o autor dela, João Gomes, tem um grande problema em comum com você:

O refluxo gástrico.

Por essa razão, ele teve que eliminar o café de sua rotina para evitar os sintomas da doença do refluxo, tais como rouquidão, dores na garganta e a perda de voz que o tornaram tão conhecido no país.

Portanto, se você sofre de refluxo gástrico ou experimenta sintomas como rouquidão, queimação no peito, mau hálito ou simplesmente enfrenta desconfortos estomacais e faz uso de prazóis para lidar com esse problema, há uma maneira simples e natural de aliviar esses sintomas, sem precisar abrir mão do seu cafezinho.

Na verdade, essa abordagem pode até permitir que você desfrute de uma xícara de café preto sem sentir as temidas dores no peito. Carlos, por exemplo, depois de assistir ao vídeo gratuito do divulgador e especialista em refluxo, Paulo Peres, pôde retomar seu hábito de tomar café preto apenas dois dias após assistir ao vídeo.

De acordo com Paulo Peres, a melhor forma de aliviar este problema por semanas e até meses é “fechando” a portinha do esôfago.

Ele explica que a portinha, que é o esfíncter esofágico, impede o retorno do ácido gástrico e protege o tecido da queimação causada pela substância.

Uma vez que a portinha se mantém fechada, como em uma pessoa que não tem refluxo, até mesmo problemas como a gastrite e úlceras podem ser revertidas, já que a cicatrização se torna possível.

Em seu vídeo gratuito, disponível ainda agora em seu site oficial, o pesquisador e diretor de pesquisas, revela alguns métodos naturais capaz de fechar a portinha do esôfago e ainda proteger o sistema digestivo das úlceras e gastrites.

No Vídeo online ele mostra que essa substância é como uma trava de segurança para a portinha do esôfago, e como benefício extra, acelera a cicatrização e restauração da mucosa do esôfago e estômago, o que vai acelerar a cicatrização das úlceras e gastrites.

No mesmo vídeo, ele ainda mostrou outras descobertas, que potencializa o efeito do tratamento e pode até mesmo devolver o prazer de tomar um café e comer o que deseja sem medo de novas crises de estômago.

Tudo o que ele pede é que os espectadores assistam ao vídeo até o final para poder dar fim ao refluxo de uma vez por todas.

O vídeo gratuito com todos os detalhes e o passo a passo pode ser assistido aqui.

20 Comentários
Ordernar por
avatar
  • avatar

    Livia Maria

    Conheci essa solução do Dr. Roberto há 3 semanas e posso dizer do fundo do coração que foi a melhor coisa que experimentei até hoje. Assistam pq vale a pena!

    Curtir Responder 4 1min
    • avatar

      Suzana cristina

      Muito bom... Coloquei meu marido para experimentar e o reflux dele sumiu, especialmente o mau hálito! Foi coisa de uma semana e meia pra dar resultado.

      Curtir Responder 4 16 min
      • avatar

        Gustavo Albuquerque

        Eu já conhecia o Dr. Roberto e resolvi testar... De fato muito bom! Sofria com azia e muita queimação (principalmente durante a noite). Simplesmente resolveu de vez meus problemas! Parei de sentir medo de comer qualquer coisa kkk

        Curtir Responder 1 1 dia
        • avatar

          Giuliano Barreto

          MIL VEZES MELHOR QUE OMEPRAZOL E CHÁ!

          Curtir Responder 12 41min
          • avatar

            Ricardo Nascimento

            Giuliano, também acho, o melhor de tudo que é que tem efeito rápido.

            Curtir Responder 0 7 min
          • avatar

            Lucas Junior

            Teve uma noite atrás que acordei me sentindo sufocado por causa do refluxo... No dia seguinte procurei desesperado por uma solução e ainda bem que vi esse vídeo

            Curtir Responder 0 48 min
            • avatar

              Mariana Gomes

              O bom dessa solução é que ela é muito barata e funciona né... Porque eu já testei várias outras soluções que não gastava quase nada também mas não resolviam nada. Dr. Roberto tá de parabéns demais!

              Curtir Responder 12 52 min